CONDOMÍNIO OURO VERMELHO ADOTA ILUMINAÇÃO LED E REDUZ CONSUMO EM 70%

Foto: Eco-Inov

Condomínio Ouro Vermelho 1 sai na frente e substitui as antigas luminárias de vapor de sódio de 250 W por luminárias LED de 80 W. O resultado foi uma economia de 70%.

A substituição pela iluminação LED faz parte do programa “Jardim Botânico Sustentável”, lançado recentemente pelo Movimento Comunitário do Jardim Botânico, com o apoio da Secretaria do Meio Ambiente do DF. O projeto tem o ambicioso objetivo de tornar o Jardim Botânico o bairro mais sustentável do hemisfério sul.
Foto: Eco-Inov

A sustentabilidade é entendida hoje como um princípio que orienta a utilização racional dos recursos naturais, de forma a garantir às futuras gerações a satisfação de suas próprias necessidades. Em todos os encontros mundiais sobre clima e sustentabilidade, o Brasil foi signatário. Desde 2012 há legislação específica sobre o tema.

Um dos recursos naturais que precisa ser utilizado com mais sabedoria é a energia elétrica. Os condomínios horizontais utilizam sistema de iluminação pública antiquada, do tempo em que ninguém se preocupava em gastar muito, porque havia a noção de que não era preciso poupar. É a potência das lâmpadas utilizadas nos postes que interessa para a CEB na hora de mandar a conta. Muita luz, muito consumo. Com a iluminação LED, inverte-se o raciocínio. Mais que muita luz e pouco consumo.
Diferença nas contas da CEB de Maio e Junho de 2016, economia de R$5.735,53.
A síndica do Condomínio, Rose Marques, que também preside o Movimento, declarou: “Este é um primeiro passo importante na implementação do projeto JB Sustentável. A redução substancial que obtivemos na fatura da CEB permite que o Condomínio recupere o investimento em cerca de 2 anos. E as lâmpadas duram mais de 20 anos!
Assista ao vídeo comparando a iluminação antes e depois da implementação da iluminação LED nas ruas do Condomínio Ouro Vermelho

Fonte: Blog Jardim Botânico

Deixe seu comentário